(35)99737-1595

NO AR

Rádio Interativa MG

www.radiointerativamg.com.br

Brasil

Rodrigo Rodrigues: diretor de hospital fala sobre complicações da Covid-19

Publicada em 28/07/20 as 17:45h por CNN BRASIL - 25 visualizações


Compartilhe
   

Link da Notícia:

 (Foto: Rádio Interativa MG)

Diretor do hospital Hospital Unimed-Rio, onde faleceu nesta terça-feira (28) o apresentador Rodrigo Rodrigues, o médico Gabriel Massot falou à CNN sobre o quadro clínico do jornalista do SporTV. Ele tinha 45 anos e estava internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) de um hospital do Rio de Janeiro em estado grave por complicações causadas pelo novo coronavírus.

De acordo com o médico, o apresentador "deu entrada no hospital com quadro sugestivo de acidente vascular cerebral" e que pacientes com Covid-19 têm apresentado "relação com alterações vasculares" -- o que, segundo o especialista, teria relação no caso do jornalista.

O quadro clínico de Rodrigo Rodrigues se agravou por conta de um sangramento que aumentou a pressão na caixa craniana, que foi o motivo da cirurgia pela qual ele passou.

Tal quadro pode levar a lesões cerebrais que podem acarretar a morte do paciente, apontou o médico, que ainda informou que o falecimento foi registrado às 10h40 desta terça.

Massot descartou que uma demora na busca pelo atendimento possa ter levado ao agravamento do caso. "Não podemos confirmar se houve demora ou não. Ele estava seguindo o protocolo do afastamento pelos 15 dias e essa complicação pode ocorrer, assim como outras mais tardias, com os pacientes", pontuou.

Ele ainda acrescentou que há registros de muitos pacientes com Covid-19 que apresentam essas alterações de uma forma tardia, já no 15º dia de isolamento. 

O jornalista lidava com a infecção há quase 15 dias e estava afastado do trabalho desde que recebeu o diagnóstico da doença. Ele se sentiu mal, procurou atendimento e foi internado. Poucos depois, foi colocado em coma induzido por causa da trombose vascular cerebral. Rodrigues chegou a passar por uma cirurgia para aliviar a pressão intracraniana, mas não resistiu.

Em nota, o Hospital Unimed-Rio, onde Rodrigues estava internado, disse que "foi atestada morte encefálica".

"O paciente encontrava-se em estado grave e coma induzido, em unidade de terapia intensiva, desde o último domingo, 26/07, após ter sido submetido a procedimento para diminuição da pressão intracraniana em decorrência de uma trombose venosa cerebral."

O Grupo Globo informou, em um comunicado, que Rodrigues contou, no dia 9 de julho, que teve contato com um amigo que testou positivo para o novo coronavírus. Quatro dias depois, ele fez o teste e também foi diagnosticado com a doença. 

"Nos dias posteriores, apresentou sintomas como falta de paladar e olfato, mas dizia se sentir bem. No entanto, a situação mudou no último sábado. Segundo o boletim médico do hospital, Rodrigo deu entrada na emergência com quadro de dor de cabeça, vômito e desorientação", diz a nota da emissora.


Carreira

Nascido na cidade do Rio de Janeiro, Rodrigues se formou em jornalismo em 2001 e iniciou a carreira na televisão como apresentador em 1995. Também passou por emissoras como ESPN, TV Cultura, Bandeirantes e Esporte Interativo.

Rodrigues escreveu livros como As aventuras da Blitz (2008), sobre a vida do grupo musical fundado por Evandro Mesquita, e Almanaque da música pop no cinema (2012). Ele também era guitarrista da banda The Soundtrackers, com a qual costumava se apresentar com os amigos.





ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:


Enquete
Qual Tipo de Música Você Gostaria de Ouvir na Interativa?

 Pop & Rock Nacional
 Internacional
 flashback
 Sertanejo







.

FALE CONOSCO

(35) 99737-1595

Visitas: 33232
Usuários Online: 22
Copyright (c) 2020 - Rádio Interativa MG